Sushi: Um bom livro para 'consumir'

A correria foi grande na semana que antecedeu o Natal e infelizmente não pudemos vir aqui desejar um Feliz Natal! Mas aceitem, atrasado, o desejo que o espírito natalino de solidariedade, amor e paz  perdure por todo o ano de 2012!
....................................................................................................................................................................
Hoje vim falar de um assunto diferente aqui no blog, vou deixar os vidrinhos de lado e falar de um livro que acabei de ler.

Há alguns anos li o primeiro best seller da escritora irlandesa Marian Keys, Melancia.  E gostei bastante da leitura. Na semana passada comecei Sushi, o terceiro best seller da autora lançado no Brasil.


Uma das características de Marian é colocar humor e leveza nas suas histórias, que exploram o universo feminino. Muitas vezes abordando assuntos delicados como, ilusão, traição, depressão, paixão e a busca pela felicidade.

Geralmente as histórias se passam na Irlanda, mas facilmente qualquer mulher do mundo se identifica ou conhece alguém como as personagens. Não é atoa que ela já vendeu mais de 22 milhões de exemplares em todo o mundo.

Sushi conta a história de três mulheres bem diferentes uma da outra. Lisa, diretora de uma nova revista feminina se sente fracassada por ter que trocar Londres por Dublin, além de enfrentar o processo do divórcio. Clodagh é a típica mulher casada que dedica todo seu tempo aos dois filhos, além de ser casada com um homem lindo e perfeito. Mas nem por isso ela vive feliz. Já Ashling , uma jovem repórter cheia de manias e superstições, busca a realização profissional e emocional, claro que nos planos inclui um namorado.

Com um texto leve, li o livro de 574 páginas em uma semana facilmente. Cheguei na conclusão que o nome do livro de deve pelo fato das três principais personagens se jogarem em experiências desconhecidas, com sabores ainda não provados, uma mistura adocicada, levemente apimentada, e claro, com um sabor prazeroso.  


Vanessa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário